Super Maxi - Pertinho de você

Origem da Tinta

Foto Divulgação

Durante anos o homem esculpiu em argila, pedra ou madeira para gravar um registo da sua vida e experiências. Mas quando apareceram o papel e a tinta, eles revolucionaram a escrita para sempre. Assim, pela sua importância nessa revolução, é interessante saber quem inventou a tinta.

Os egípcios são frequentemente considerados os primeiros criadores da tinta. Também se diz que o papel foi inventado por um egípcio, porque “papel” vem da palavra “papiro” que crescia abundantemente na região do Nilo e que foi largamente utilizado no Antigo Egipto para escrever.

Mas a história mostra que ambos — papel e tinta — foram inventados por chineses. O inventor do papel foi T’sai-Lun e o inventor de tinta foi Tien-Lcheu.

Em 2607 a.C., Tien-Lcheu, um grande pensador e filósofo chinês, simplificou a escrita. Ele criou um líquido escuro para marcação em pedras e papéis. Na sua criação usou fuligem de madeira de pinho misturada com óleo e gelatina feita da pele de um animal.

Em 1200 a.C. este líquido preto para escrita tornou-se popular e outras pessoas desenvolveram-no mais, através da mistura de corantes naturais de minerais e plantas. Mais tarde, a goma, sumo de noz e sais de ferro foram adicionados à fórmula. Isto tornou-se na receita-padrão para as gerações vindouras pois resultava num tipo de tinta mais estável.

No século II foi inventado o papel de fibra de madeira, que se veio a demonstrar como o parceiro ideal para a escrita de tinta. Este duo tornou-se cada vez mais popular e gradualmente alcançou as costas da Europa e as outras partes do mundo.

Tien-Lcheu, o inventor da tinta, provavelmente não sabia ao que a sua mistura de fuligem, óleo, e gelatina daria origem. Ele tinha aberto uma nova porta para a alfabetização de inúmeras gerações, que continua mesmo na nossa era do computador moderno.

Origem das Coisas


Veja Mais

Essa oferta está imperdível!


Dia do Abraço


Vamos comer mais frutas?

Super Maxi - Pertinho de você

Super Maxi - Pertinho de você