Super Maxi - Pertinho de você

Confira algumas dicas de como harmonizar os principais tipos de cervejas com comidas:

Foto Divulgação

Existem indicações de harmonizações já criadas por mestres cervejeiros, mas nada melhor do que experimentar diferentes combinações e descobrir, pessoalmente, quais comidas combinam melhor para cada tipo de cerveja no seu paladar.

Queijos: Queijo combina perfeitamente com cerveja. Seja na mesa do boteco ou na tábua de frios de um jantar romântico, o queijo é sempre bem-vindo se tomado com uma boa cerveja. O segredo é harmonizar o sabor do queijo com a intensidade do lúpulo.

Amendoins e castanhas: Todo mundo gosta de fazer aquela porçãozinha de amendoim ou de castanha antes de uma refeição, não? Pois bem, como são tira-gostos oleosos e de sabor delicado, o indicado são cervejas mais leves e sutis.

Frituras: Quem não gosta de uma batatinha frita ou uma porção de pastéis na mesa do bar?

Peixes e frutos do mar: Camarão, lula e mariscos (se bem apimentados) uma cerveja intensa no sabor.

Churrasco: As carnes para churrasco exigem uma cerveja mais forte.

Aves: No geral, é um tipo de carne mais sutil. A harmonização vai depender muito do tipo de preparo (tempero) mas basicamente são cervejas mais leves. Se fritos, clamam por uma mais amarga/alcoólica e os defumados se encaixam com as mais intensas.

Carne vermelha: Diferentemente das aves, a carne vermelha exige cervejas com mais intensidade.

Carnes fortes: Também é um tipo de carne que exige uma cerveja intensa tanto no sabor quanto no teor alcoólico.


Sobremesas: Depois de um belo jantar, não pode faltar a sobremesa, certo? Para fechar com chave-de-ouro, uma boa sobremesa é muito bem apreciada com cervejas doces.

Tudo para homens


Veja Mais

Dia do Abraço


Vamos comer mais frutas?


Resultado Sorteio

Super Maxi - Pertinho de você

Super Maxi - Pertinho de você